Postado às 16h58 política Nenhum comentário Enviar por e-mail

O deputado estadual Carlos Augusto Maia (PC do B), detido na madrugada deste sábado (1) por patrulheiros da Polícia Rodoviária Federal (PRF), quando retornava de uma festa em Caicó, apresenta a sua versão em que se diz inocente.

Leia:

Sobre o incidente ocorrido na madrugada deste sábado (01), em Caicó, o deputado Carlos Augusto Maia declara que não estava ao volante e que seu motorista não estava alcoolizado, conforme revelou o bafômetro, e que todos os documentos do veículo assim como do motorista estavam em conformidade com as leis de trânsito

. Carlos Augusto diz que respeita o trabalho realizado pela PRF, mas não concordou com a abordagem adotada pelos agentes, na ocasião, e, como cidadão, achou que deveria questioná-la.

Questionamento esse que foi mal recebido pelos policiais. O parlamentar lamenta que a abordagem a pessoas públicas esteja sendo usada para promover de forma irresponsável o trabalho deles.

Ele acredita que o trabalho já tem o respeito da população e dispensa esse tipo de artifício.

De todo modo, Carlos Augusto defende que a população questione sempre que o serviço público esteja sendo prestado diferente de como deve ser.

Assessoria de Comunicação – Dep. Carlos Augusto Maia


Postado às 12h05 política Nenhum comentário Enviar por e-mail

Do G1

O deputado estadual Carlos Augusto Maia (PT do B) foi detido por desacatado de autoridade na manhã deste sábado (1) em Caicó, na região Seridó do Rio Grande do Norte. O parlamentar era passageiro de um carro que foi parado em uma blitz da Polícia Rodoviária Federal (PRF). De acordo com a PRF, Carlos Augusto teria desacatado os policiais rodoviários federais.

Caicó recebe nesta semana a tradicional Festa de Sant’Ana, que atrai milhares de pessoas da região Seridó para a cidade.

O G1 entrou em contato com a assessoria de comunicação do deputado estadual e até a publicação da matéria não recebeu retorno sobre a versão do parlamentar.

A PRF detalhou que o deputado estava saindo de um show quando o carro foi parado na BR-427. A discussão teria começado depois que o parlamentar impediu o motorista de descer do carro para fazer o teste de bafômetro.


Postado às 05h04 Coluna Nenhum comentário Enviar por e-mail

Agosto está começando e a sorte está lançada

O otimismo da prefeita cassada e afastada Cláudia Regina (DEM), de retomar e concluir o seu mandato, não é um blefe. Muito menos, jogo para a galera, como diz por aí.

Realmente Cláudia deposita confiança que a sua situação jurídico-eleitoral possa ser revertida pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), conforme ela expressou na entrevista ao programa “Cenário Político”, no Canal 10 da TV a Cabo Mossoró (TCM).

Claro que a democrata sabe, e não nega, que a decisão favorável não é simples, afinal, ela foi condenada em primeiro e segundo graus em 12 processos, todos por supostos crimes eleitorais.

A justiça superior reformar todas as decisões não parece razoável sob o ponto de vista leigo da grande massa. No entanto, no meio jurídico, a luta de Cláudia é considerada plausível e passível de mudança.

Aliás, tomando por base que todo cidadão é inocente até o transitado em julgado, e a regra se aplica sem exceção, a luta da democrata é travada com alguma chance positiva.

Quem conhece o conteúdo dos processos, sabe que o grande volume se formou em torno das mesmas coisas, contadas nos dedos de uma mão.

Ou seja, são cinco causas que deram origem a 12 processos, dentro de uma estratégia de fatiar para avolumar, sem deixar saída à defesa.

Esse ponto parece bem evidenciado na sequência de decisões da justiça eleitoral monocrática e de segundo grau, sem, contudo, grifar aqui se houve ou não erro no entendimento dos magistrados potiguares.

O fato é que o jogo está sendo jogado no tapete jurídico-eleitoral superior, de onde sairá a sentença definitiva.

Cláudia acredita, conforme a sua entrevista, “na justiça de Deus e dos homens”, e que voltará ao cargo para concluir a missão delegada pelo povo de Mossoró, através do voto.

O otimismo da prefeita cassada e afastada ganha respaldo no sentimento popular, não por sê-la uma unanimidade, mas muito pelo caos que a cidade vive pelo desastre administrativo que aí está.

Observe que Cláudia é aprovada, mesmo sem ter tido tempo de impor a sua marca, porque quem entrou na Prefeitura nada fez, nada faz e nada fará, tomando por base o desmantelo existente que afeta os mossoroenses.

Se o caos que a cidade amarga tivesse algum peso na decisão de Brasília, Cláudia já poderia encomendar o vestido para a solenidade de retorno. Como não tem, cabe a ela aguardar o entendimento dos ministros do TSE, alimentando o fio de esperança de ter um final feliz.

Os mossoroenses, como expectadores ávidos pelo desfecho, transferem a atenção para Brasília, de onde sairão as decisões.

Agosto está começando.

 

Rosalba disse
o que já foi dito

Não trouxe nenhuma novidade a entrevista da ex-governadora Rosalba Ciarlini à imprensa de Caicó, na sua passagem na Festa de Santana. Afirmar que até setembro se filiará a um partido político, todos já sabiam. Aliás, ela só tem até setembro para oficializar o seu novo partido, pois, se  não o fizer, estará fora da disputa eleitoral de 2016. Portanto, a entrevista, no jargão das redações, serviu apenas para “encher linguiça”. O fato é que a ex-governadora, como já antecipou a coluna, fez a escoha pelo PTB, e só não se filiará ao partido de Vargas, se houve um catabilho no meio do caminho.

 

Prefeito Silveira
afivela as malas

O prefeito Silveira Júnior (PSD), que retornou ontem de férias, já afivela as malas para nova viagem. Mas, desta feita, com agenda administrativa. Ele embarca para Brasília, na condição de presidente da Federação dos Municípios (FEMURN), na próxima terça-feira, 4. Comandará uma comitiva de prefeitos potiguares, que participarão da Frente de Mobilização Municipalista, na quarta-feira, 5.

 

Parceria

A Gondin & Garcia Produções e o Grupo Porcino Costa fecharam parceria para potencializar o Porcino Park Center. Trata-se da união do conglomerado empresarial mais bem sucedido de Mossoró, com a maior e mais experiente empresa de eventos da cidade.

 

Vila do Vaqueiro

O primeiro evento da parceria será a Vaquejada dos Porcinos entre os dias 1º e 4 de outubro. Terá inaugurada a “Vila do Vaqueiro” e grandes atrações como Aviões, Dorgival Dantas, César Menotti e Fabiano…

 

Desbloqueio
garante a folha

A Prefeitura de Mossoró conseguiu suspender o bloqueio de R$ 1,7 milhão, para pagar a dívida com o Hospital Wilson Rosado. A decisão do juiz Pedro Cordeiro, da Vara da Fazenda, que havia determinado o bloqueio, salvou o pagamento da folha de julho dentro do mês. Aliás, esse argumento convenceu o magistrado a desbloquear os recursos e transferir o dever para o mês de agosto.

 

Aperte o cinto

O governador Robinson Faria (PSD) determinou a redução de R$ 11 milhões do Orçamento Geral do Estado (OGE-2015). E reclamou da frustração de receita em R$ 65 milhões.

 

Atrasado no trânsito

Segundo o Detran-RN, Mossoró tem mais de 80 mil veículos com a taxa de licenciamento em atraso. Este número representa 62% da frota de veículos no município. Em todo o Estado são 676.066 veículos irregulares.

 

Duas rodas

Em 2013, 51,8% de todas as internações por acidentes de transporte em hospitais estavam relacionadas a motocicletas. Foram 169,7 mil internações, sendo 88 mil delas por motos. Governo prepara plano de prevenção.

 

Negócios

Natal vai sediar o 18º Encontro Internacional de Negócios do Nordeste, entre os dias 30 de setembro e 2 de outubro. É o maior evento de aproximação comercial internacional da região, organizado pela Fiern e Sebrae.

 

É NOTÍCIA

1 – O cantor e sanfoneiro Giannini Alencar estará hoje na Praça do Pax, a partir das 9h, comandando a campanha de doação de sangue. Incentivo para reforçar o estoque do Hemocentro.

2 – O primeiro recenseamento no Brasil foi realizado nesta data, em 1843. Contou 9.930.478 habitantes no território nacional, sendo 48% mulheres. Foram contados 1.510.806 escravos.

3 – A primeira emissão postal brasileira completa hoje 172 anos. O selo “Olho de Boi” foi lançado no dia 1º de agosto de 1843, com três valores: 30, 60 e 90 réis. Hoje, destaques no cenário filatélico.

4 – O ex-governador Fernando Freire recebeu as primeiras visitas no Quartel da PM: o senador Garibaldi Filho (PMDB) e o deputado Ricardo Motta (Pros). Ele cumpre pena de 39 anos de prisão.

5 – Mais uma troca no time do governador Robinson Faria (PSD). O ex-vereador Ney Júnior sai do Ipem e retorna para o Procon, e Cyrus Benavides, que está no Procon, vai para o Ipem.

 

FRASE

Vou definir a minha
nova filiação até o
final de setembro.”

ROSALBA CIARLINI – Ex-governadora do RN


Postado às 05h00 Túnel do Tempo Nenhum comentário Enviar por e-mail

* De 1843 – Lançado o primeiro selo postal no Brasil, o “Olho de Boi”.

* De 1892 – Operários realizam no Rio de Janeiro o primeiro Congresso Socialista Brasileiro.

* De 1920 – Gandhi lança campanha anticolonialista.

* De 1934 – Prestes filia-se ao PCB, durante exílio na URSS.

* De 1976 – Folha de S. Paulo, que não querida por nenhum governo, publica série de reportagem sobre as mordomias do governo militar.

* De 1985 – Morre o ator brasileiro Rodolfo Mayer.

* De 1977 – Morre Homero de Souza Campos, o “Ranchinho” da dupla sertaneja “Alvarenga e Ranchinho”.


Postado às 13h16 Contas públicas [ 2 ] Comentários Enviar por e-mail

Em razão da frustração da receita primária relativa ao primeiro semestre de 2015, inicialmente estimada na Lei Orçamentária Anual, o Tribunal de Contas do Estado (TCE/RN) adotou, em conformidade com as necessidades identificadas pelo Governo do Estado, as providências necessárias ao contingenciamento de suas despesas discricionárias.

Para tanto, publicou portaria que indisponibilizou para empenho e movimentação financeira o valor de R$ 321 mil, consignado à conta de suas dotações no Orçamento Geral do Estado.

Além disso, o TCE/RN adotou uma série de medidas neste ano de 2015 que culminaram no corte de aproximadamente R$ 4 milhões no primeiro semestre, em relação ao mesmo período do ano passado com despesas da mesma espécie.

Somente em corte nos gastos com gratificações de gabinete e cargos em comissão, foi economizada a quantia de R$ 1.534.038,11. Com obrigações patronais, despesas variáveis e despesas de exercícios anteriores, a redução chegou a R$ 2.177.439,14. Já os gastos com diárias, passagens e despesas com locomoção, auxílio-transporte, equipamentos e material permanente e preservação de patrimônio, diminuíram R$ 219.045,61.

Também foi possível, nesse mesmo período, efetuar cortes nas despesas custeadas pelo Fundo de Reaparelhamento do Tribunal de Contas (FRAP), atingindo uma redução de R$ 107.987,32 nos gastos com obras e instalações, despesas variáveis, obrigações tributárias e pagamento de diárias.

O Tribunal de Contas do Estado enfatiza que tem, historicamente, mantido um rigoroso controle de seus gastos, em respeito aos ditames da Lei de Responsabilidade Fiscal.

* Fonte: TCE-RN

 


Postado às 10h15 Gerais Nenhum comentário Enviar por e-mail

Alvo de mandado de prisão expedido pela Justiça como parte da operação Negociata, Josberto de Souza Oliveira se entregou na quinta-feira (30) e foi ouvido no mesmo dia pelos promotores de Justiça.

O mandado de prisão de Josberto foi o único, dos seis expedidos, a não ser executado na quarta-feira (29), dia que foi deflagrada a operação Negociata. Segundo informações, ele se entregou e foi ouvido na cidade de Martins e vai ficar detido no Centro de Detenção Provisória em Patu.

A Operação, fruto da articulação do MPRN, do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO), e do Grupo de Atuação Regional de Defesa do Patrimônio Público (GARPP) com apoio da Polícia Civil destinou-se a desarticular associação de pessoas formada com o intuito de fraudar e desviar dinheiro através do Termo de Convênio celebrado entre a Prefeitura Municipal de Umarizal e o Banco Gerador S.A, objetivando a concessão de empréstimos consignados e financiamentos aos servidores ativos e inativos.

Além de Josberto de Souza Oliveira, também foram presos José Rogério De Souza Fonseca, Bruno Ewerton Bezerra Leal, Marinaldo Amâncio Da Silva Júnior, Abimael, Thiago Bezerra De Melo e Francisco Edivan de Oliveira.

* Com as informações do MPRN


Postado às 10h05 Geral Nenhum comentário Enviar por e-mail

Ex-governadoras Rosalba Ciarlini e Wilma de Faria se encontraram em Caicó (Foto: Blog do Heitor Gregório)

Visitando a Festa de Santana, em Caicó, a ex-governadora Rosalba Ciarlini declarou que até o final de setembro estará filiada a um novo partido.

Qual?

Não disse, mas ressaltou que tem várias opções.

Seria o PTB?

O PP?

Ou o PMDB?

Rosalba não respondeu.

O fato é que a ex-governadora terá legenda e, se os ministros do TSE devolverem os seus direitos políticos, ela será candidata a prefeita de Mossoró em 2016.


Postado às 09h57 Segurança Nenhum comentário Enviar por e-mail

No Rio Grande do Norte está assim:

Turistas esfaqueadas na principal praia da capital, a bela Ponta Negra.

Prefeito atacado na estrada.

Agências bancárias explodidas

E um homicídio atrás do outro.

O governador Robinson Faria (PSD), sete meses após assumir o mandato não correu com nenhum bandido do Estado, como prometera na campanha eleitoral de 2014.

Pois é.

Palanque é uma coisa.

Governar é outra.


Postado às 05h02 Coluna Nenhum comentário Enviar por e-mail

Férias do barulho no Palácio da Resistência

O vice-prefeito Luiz Carlos Mendonça Martins (PT) foi além do dever de casa nos dez dias de interinidade na Prefeitura de Mossoró. Elevou o seu nome na opinião popular, imprimiu marca própria, apesar do curto tempo, e deixou claro que, se for a vontade das pessoas e do seu partido, ele estará apto a disputar a sucessão municipal 2016.

A tarefa de 10 dias de poder, que poderia ser apenas um simples ato de “vigiar” a cadeira de prefeito, comum no ambiente político-administrativo, foi transformada por Luiz Carlos em instrumento de prova de que é capaz de governar a partir do Palácio da Resistência.

Não foi fácil, reconheça-se, porque o titular do cargo, prefeito Silveira Júnior (PSD), deixou “cascas de banana” para o substituto escorregar.

Ao sair de cena, Silveira transferiu para Luiz Carlos a antipática tarefa de impedir que os transportes intermunicipais levassem os seus passageiros até o centro comercial, limitando essa tarefa para dois locais distantes.

Também deixou no colo do interino a missão de remover os camelôs do centro da cidade, além da pauta polêmica na sessão extraordinária da Câmara, com projetos de interesse do prefeito, e a greve dos servidores públicos, cada dia mais insatisfeitos e indignados.

Luiz Carlos encarou cada situação ao seu modo, buscando no diálogo o instrumento de negociação, coisa que estava em falta no Palácio.

Deu certo.

O prefeito em exercício não solucionou os problemas, mas teve habilidade de conduzir cada situação e deixar que Silveira, em seu retorno, assuma as decisões.

Paralelamente, Luiz Carlos somou pontos com ideias interessantes, como abrir para toda a sociedade o debate de construção do orçamento democrático, ao criar o Grupo de Trabalho, convocando representantes da sociedade civil para fazer parte da composição.

Os trabalhadores, que nunca foram representados de forma efetiva, agora estão presentes com a Central Única dos Trabalhadores, devidamente inserida no GT do Orçamento Democrático.

Luiz Carlos também foi às ruas conversar diretamente com as pessoas, estabelecendo o debate popular em torno das necessidades e das demandas reclamadas.

Aproveitou, claro, para sentir o calor humano com apertos de mão e abraços.

Pois bem.

O prefeito em exercício a partir de hoje volta à condição de vice-prefeito, pavimentou um caminho que certamente vai trilhar, saindo da condição de mero expectador da gestão pública, para personagem de destaque no atual estágio político-administrativo de Mossoró.

Certamente, o titular do cargo não esperava tal desenvoltura.

Do contrário, teria adiado as férias.

 

O cofre público vai resolver

A presidente Dilma Rousseff (PT) sabe que melhorar o humor de deputados e senadores é preciso agradar com o que o Palácio pode oferecer de melhor: cargos e verbas. Como está em baixa, refém do Congresso, a presidente vai liberar as duas coisas. No início de agosto, quando os parlamentares estarão voltando do recesso, o governo vai distribuir 200 cargos nos estados, em pontos bons como agências do INSS e Delegacias do Trabalho. Além disso, vai liberar R$ 1 bilhão de emendas parlamentares que estão no resto a pagar de 2014 e anos anteriores. Vai arrancar o sorriso dos companheiros

 

Topa reduzir os salários?

Se a Prefeitura não concede o reajuste salarial aos servidores por causa da crise financeira, o sindicato da categoria sugere o “corte na carne”. A proposta do Sindiserpum defende redução dos salários do prefeito, vice-prefeito, secretários e adjuntos, a redução do número de secretarias, redução dos cargos comissionados e extinguir as subsecretarias. Sugestão pertinente, mas que não terá respaldo.

 

A conta-gotas

Dos 50 policiais militares cedidos, o Tribunal de Justiça devolveu apenas 20 ao Estado, sem assumir os salários dos 30 que ficaram. Os PMs dão segurança aos desembargadores e juízes. Os outros órgãos  farão o mesmo, por necessidade, justificam. O Governo vai ter que aceitar.

 

Segue

O retorno de 100% dos policiais militares cedidos foi condição imposta pela secretária de Segurança, Kaline Leite, para continuar no cargo. O governador Robinson Faria baixou o decreto, que não será cumprido.

 

Fica por isso mesmo

Terminou ontem o prazo para a remoção dos camelôs do centro comercial de Mossoró. Não saiu um. Todos continuam onde estavam. A Justiça havia dado novo prazo; a Prefeitura nada fez; e o Ministério Público observa.

 

Retorno

O prefeito Silveira Júnior (PSD) está de volta ao Palácio da Resistência, depois de 10 dias de férias. E esperando por ele, as demandas reclamadas pela população. O caos castiga a vida dos mossoroenses.

 

Proposta do Ciac hoje sucateada

Há 23 anos, o secretário nacional da Cultura, embaixador Sérgio Paulo Rouanet, inaugurava o Centro Integrado de Apoio à Criança (CIAC) no bairro Belo Horizonte. Era o modelo implantado pelo governo Collor para fortalecer a assistência à criança através do social e da educação. Hoje, com nome de CAIC, os centros deixaram de cumprir a missão e estão sucateados.

 

Feminismo socialista

A coordenadora da Marcha Mundial das Mulheres no Brasil, Nalu Faria, faz palestra hoje em Mossoró, com o tema: “Feminismo Socialista: Uma Leitura dos Processos Contemporâneos”. Na Estação das Artes, às 19h.

 

Amamentação

A UnP está instalando a Sala de Apoio à Amamentação e Banco de Leite, na Clínica Integrada da Saúde do Campus Mossoró. Inauguração no dia 5 de agosto, dentro da Semana Mundial de Aleitamento Materno 2015.

 

É NOTÍCIA

1 – Mossoró vai sediar a I Feira Estadual da Agricultura Familiar, dentro da Festa do Bode 2015, entre os dias 6 e 9 de agosto. 50 agricultores e artesãos irão comercializar seus produtos.

2 – O casal Diego Araújo e Juliana Oliveira apresenta hoje à imprensa a nova casa noturna de Mossoró, o Matuto Lounge Bar. Recepção às 19h. E amanhã será aberto ao público.

3 – O padre João Medeiros será empossado hoje na cadeia 39 da Academia Mossoroense de Letras, que tem como patrono o Monsenhor Américo Simonetti.  Às 19h, na Biblioteca Municipal.

4 – O juiz federal Magnos Delgado, da 1ª Vara do RN, determinou a retirada do ar do site “Tudo sobre todos” , que divulga informações pessoais dos brasileiros. O site é hospedado no Reino da Suécia.

5 – Hoje e amanhã tem o humorista Nairon Barreto, com o seu Zé Lezin, no Teatro Municipal Dix-huit Rosado. Se ainda tiver senha disponível, corra, porque o show é muito bom. Às 20h30.

 

FRASE

“São dois fatores importantes.”

ELISEU PADILHA – Ministro de Dilma, sobre a liberação de emendas e cargos para parlamentares da base aliada.


Postado às 05h00 Túnel do Tempo Nenhum comentário Enviar por e-mail

* De 1821 – Uruguai é incorporado ao Brasil com nome de Província Cisplatina.

* De 1965 – Mariner IV envia as primeira fotos de Marte.

* De 1992 – A cidade de Mossoró recebia o primeiro Centro Integrado de Apoio à Criança (CIAC), hoje Caic, localizado no bairro Belo Horizonte. Foi inaugurado pelo secretário nacional da Educação, embaixador Sérgio Paulo Rouanet, do governo Collor de Mello.

* De 1992 – A prefeita Rosalba Ciarlini inaugura a sede da Secretaria de Saúde de Mossoró, na rua Seis de Janeiro, bairro Santo Antônio.