Sexta-Feira, 26 de abril de 2019

Postado às 09h00 | 18 Mar 2019 | Redação Goleador Jeffinho coloca o Potiguar na "cabeça" do returno do Estadual

Crédito da foto: Allan Phablo Jeffeinho tenta driblar adversário; ele marcou os dois gols do Portiguar

Edinaldo Moreno/defato.com

Pela primeira vez na história do Campeonato Estadual, o Potiguar conseguiu vencer o Globo como mandante. Na tarde deste domingo, 17, o Alvirrubro venceu a Águia por 2 a 1 e ultrapassou o time de Ceará-Mirim na classificação geral do segundo turno. A partida válida pela sexta rodada da Copa Rio Grande do Norte foi realizada no Estádio Nogueirão.

Os dois tempos do confronto foram muito disputados e com pouquíssimas chances de gols. No entanto, o artilheiro do campeonato decidiu para o Time Príncipe mais uma vez. Aos 19 minutos do primeiro tempo, Jefinho cabeceou sem chances para o goleiro Wadson após ótimo cruzamento de Ricardinho. Este era o 12º gol do camisa 9 alvirrubro.

O ‘matador príncipe’ voltou a balançar as redes do adversário aos 30 minutos da etapa final. Após duas tentativas de seus companheiros, o artilheiro mandou a bola para o gol. Gilmax recebeu ótimo passe de Giovanni. Ele se atrapalhou, mas conseguiu chutar para boa defesa de Wadson. A bola sobrou para Ricardinho que chutou e o defensor do Globo tirou em cima da linha. Para resolver o lance somente o artilheiro. Jefinho, da marca do pênalti, pegou o rebote da zaga e mandou para as redes para assinalar seu 13º tento na competição.

Aos 40 minutos os visitantes diminuíram. Negueba cobrou pênalti sofrido por Jedson e o goleiro Andrei defendeu. No rebote houve uma confusão na área e Jardel, de cabeça, completou para o gol. Os jogadores do Time Macho reclamaram que o goleiro Andrei sofreu falta quando estava disputando a bola no alto. Pablo Ramon não deu ouvidos a reclamação príncipe e confirmou o gol.

Os últimos minutos de jogo foram de pura tensão no estádio. Qualquer bola que os jogadores da Águia pegavam no meio de campo alçavam na área. Nenhuma delas, no entanto, deu resultado.

O resultado deixa o Potiguar com os mesmo 12 pontos do América, mas perde no saldo de gols. O time natalense fica a frente do mossoroense pelo saldo de gols. São oito contra sete. Com a derrota e a vitória do América, o Globo cai para terceira e tem apenas uma partida por fazer, enquanto que seus adversários diretos ainda jogam duas vezes no segundo turno.

O Potiguar volta a campo somente daqui a dez dias. No dia 27, a equipe da Capital do Oeste vai enfrentar o ABC. A partida está marcada para o Estádio Frasqueirão, em Natal, às 20h30. A Águia encerra sua participação na Copa RN diante do Palmeira em casa. O duelo ocorrerá no dia 3 pela sétima rodada.

Quebra de tabu

A vitória do Potiguar encerrou um tabu. O clube mossoroense jamais havia vencido o Globo em seus domínios. Eram três derrtoas e dois empates em cinco partidas disputadas, sendo quatro delas no Nogueirão e uma no Edgarzão, em Assu, com mando de campo alvirrubro.

Jogo

1º tempo

Aos 3 minutos o Globo teve a primeira grande chance de marcar. Tiaguinho vacilou na marcação e Negueba roubou a bola do defensor alvirrubro e da entrada da área chutou, mas a bola passou à direita da meta de Andrei.

Aos 4 minutos Marielson cobrou escanteio curto com Ricardinho, que devolveu para o camisa 7 do alvirrubro que chutou e a bola desviou na defesa e foi pela linha de fundo.

Aos 8 minutos o Potiguar saiu em rápido contra ataque. Jefinho recebeu ótimo passe de Vinicius e quando ia finalizar o goleiro Wadson dividiu com ele. Os jogadores pediram falta do arqueiro da Águia de Ceará-Mirim, mas Pablo Ramon mandou o lance seguir.

Aos 19 minutos o Potiguar abriu o placar. Ricardinho descolou ótimo cruzamento e Jefinho cabeceou sem chances para o goleiro Wadson. Este foi o 12º gol do artilheiro do campeonato.

Aos 26 minutos o técnico Emanoel Sacramento fez sua primeira substituição. O jogador Vinicius sentiu uma contusão no tornozelo esquerdo e deu lugar a Gilmax. Vinicius saiu na maca chorando.

Aos 39 minutos o Globo chegou com perigo. Jardel, sozinho na área, escorou e a bola passou próxima a trave esquerda do goleiro Andrei assustando a torcida alvirrubra.

Aos 45 minutos Giovanni recebeu a bola na entrada da área. O camisa 6 chutou, mas a bola foi longe da meta do goleiro Wadson.

Aos 48 minutos Alexandre cabeceou com perigo após cruzamento da esquerda. A bola desviou na zaga do Potiguar. Ela passou por cima da meta.

O árbitro Pablo Ramon apitou o final do primeiro tempo e os jogadores das duas equipes foram para cima dele reclamar. Houve pequeno desentendimento entre as comissões técnicas. Pablo Ramon saiu muito xingado pelos torcedores.

2º tempo

Higor Cesar fez sua primeira alteração na equipe na volta do intervalo. Entrou Felipe Moreira e saiu Gabriel Palito.

Logo no primeiro minuto do segundo tempo o Potiguar teve a chance de ampliar. Jefinho ganhou do zagueiro do Globo e passou a bola para Gilmax. Ele tentou um toque por cima do goleiro, mas Wadson evitou o segundo gol do alvirrubro.

Aos 3 minutos Lucas subiu e cabeceou com perigo. A bola desviou na zaga do Potiguar e foi pela última linha.

Aos 6 minutos Gilmax fez boa jogada pela direita. Ele passou a bola para Tiaguinho que cruzou para Jefinho. O artilheiro do campeonato escorou e Gilmax chegou chutando com perigo. A bola passou à direita do gol de Wadson.

Aos 11 minutos Ricardinho cruzou para a área e Giovanni bateu de primeira. A bola bateu no defensor do Globo.

Aos 17 minutos Marielson caiu sozinho no meio de campo e precisou ser substituído. Emanoel Sacramento colocou no lugar dele Leandro Chaves. O camisa 7 saiu com uma contusão no joelho. Ele sentia muitas dores na hora do atendimento.

Aos 22 minutos Leandro Chaves alcançou a bola na direita e cruzou. A zaga do Glob rebateu e Jefinho, desequilibrado, cabeceou sem perigo para o goleiro Wadson. No mesmo minuto Higor Cesar colocou o time para frente. Ele tirou o meio campista Cícero Matheus e colocou o atacante Xilu.

Aos 25 minutos o Globo teve uma falta perigosíssima. Negueba cobrou e a bola bateu na barreira. Na volta, ele chutou longe da meta de Andrei.

Aos 30 minutos o Potiguar chegou ao segundo gol após três tentativas. Gilmax recebeu ótimo passe de Giovanni. Ele se atrapalhou, mas conseguiu chutar e o goleiro Wadson fez grande defesa. Ricardinho chutou e o defensor da Águia tirou em cima da linha. A bola sobrou para o artilheiro do campeonato e ele não perdoou. Na marca do pênalti o camisa 9 chutou sem chances para Wadson. O ‘matador príncipe’ chegou ao seu 13º gol na competição.

Logo após o gol o técnico Emanoel Sacramento fez sua segunda modificação. Ele colocou o zagueiro Klissmann no lugar de Giovanni.

Aos 35 minutos Wallace cometeu falta na entrada da área e levou cartão amarelo.

Aos 38 minutos Jedson foi derrubado pelo lateral-esquerdo Ricardinho e o árbitro Pablo Ramon marcou pênalti para o time de Ceará-Mirim.

Aos 39 minutos o Globo diminuiu. Negueba conseguiu defender o pênalti. No rebote houve uma confusão na área e Jardel cabeceou para fazer o primeiro gol na partida. A bola passou por dois jogadores do Potiguar, que estavam em cima da linha. Os jogadores do Potiguar foram reclamar com Pablo Ramon, que não deu ouvidos para os atletas do Alvirrubro e confirmou o tento dos visitantes. No lance, Pablo Ramon deu cartão amarelo para o goleiro.

Aos 45 minutos o árbitro Pablo Ramon assinalou seis minutos de acréscimos.

Aos 50 minutos Jedson levou cartão amarelo após impedir contra ataque do Potiguar.

Aos 52 minutos o árbitro Pablo Ramon apitou o final do jogo. Os jogadores do Potiguar em campo desabaram. Os que estavam no banco se abraçaram com o técnico Emanoel Sacramento.

FICHA TÉCNICA

Jogo: Potiguar 2x1 Globo

Motivo: 6ª rodada do segundo turno

Data: 17.03.2019

Horário: 16 horas

Árbitro: Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro

Auxiliares: Francisco de Assis da Hora e Leandro Lincoln Santos Neves

Gols: Jefinho 19’ (1º) (POT), Jefinho 30’ (2º) (POT), Jardel 40’ (2º) (GLO)

Amarelos: Wallace (POT), Andrei (POT), Jedson (GLO)

Potiguar: Andrei; Tiaguinho, Rafael Lima, Julio Pit e Ricardinho; Jair, Wallace e Marielson (Leandro Chaves); Giovanni (Klissmann), Vinicius (Gilmax) e Jefinho. Técnico: Emanoel Sacramento

Globo: Wadson; Edson, Lucas, Alexandre e Nininho; Jardel, Cícero Matheus (Xilu), Chiclete (Jedson) e Negueba; Gabriel Palito (Felipe Moreira) e Rafael. Técnico: Higo Cesar

Tags:

Jeffinho
Potiguar
Globo
Estádio Nogueirão
Mossoró
RN

voltar

Gol de Placa

O Blog Gol de Placa é de responsabilidade da Editoria de Esportes do Jornal de Fato. Tem a missão de fazer a cobertura em tempo real do esporte local, estadual, nacional e internacional.

Tabela Série "A"

Carregando...
Brasileirão

 

Tabela Série "B"

Carregando...
Série B