Quinta-Feira, 14 de dezembro de 2017

Postado às 11h15 | 09 Out 2017 | Câmara de Mossoró precisa de R$ 10 milhões para construir sede própria

Crédito da foto: Misael Alcântara Projeto arquitetônico da sede da Câmara Municipal de Mossoró foi apresenta nesta segunda-feira, no Palácio da Resistência

A sede própria da Câmara Municipal de Mossoró terá dois pavimentos (térreo e 1º andar), plenário de 400 metros quadrados, galeria para 200 pessoas e área para 200 convidados, amplo estacionamento, além, claro, de gabinetes amplos para os 21 vereadores.

O projeto arquitetônico foi apresentado na manhã desta segunda-feira (9), pela equipe de arquitetos da Prefeitura de Mossoró, sob a orientação da secretária Kátia Pinto.

O investimento previsto é de R$ 10 milhões. A Câmara vai buscar recursos para definir o início da obra.

A Prefeitura cumpriu a sua parte, com a doação do terreno no bairro Nova Betânia (zona oeste) e a elaboração do projeto arquitetônico.

A Câmara Municipal de Mossoró é uma das poucas do RN que não tem sede própria. Funciona há anos em imóvel alugado no centro da cidade.

Tags:

Câmara Municipal de Mossoró
sede própria
terreno doado
Nova Betânia
Prefeitura de Mossoró
arquitetos
projeto

voltar

AUTOR

César Santos é jornalista desde 1982. Nasceu em Janduís (RN), em 1964. Trabalhou nas rádios AM Difusora e Libertadora (repórter esportivo e de economia), jornais O Mossoroense (editor de política no final dos anos 1980) e Gazeta do Oeste (editor-chefe e diretor de redação entre os anos 1991 e 2000) e Jornal de Fato (apartir dos anos 2000), além de comentarista da Rádio FM Santa Clara - 105,1 (de 2003 a 2011). É fundador e diretor presidente da Santos Editora de Jornais Ltda., do Jornal de Fato, Revista Contexto e do portal www.defato.com.

COTAÇÃO