Domingo, 23 de setembro de 2018

Postado às 11h00 | 10 Jul 2018 | Coronel PM Alvibá vai disputar mandato de deputado estadual

Crédito da foto: Cedida Coronel PM Alvibá Gomes em Mossoró

O coronel Alvibá Gomes, da Polícia Militar do Rio Grande do Norte, vai disputar um mandato de deputado estadual nas eleições deste ano.

É uma experiência nova, mas que ele está bastante empolgado.

Alvibá tem convite de vários partidos, entre eles, o PMB, que ofereceu boas condições de campanha e chances de eleição em coligação com outras siglas de menor expressão.

O PMB caminha para se coligar com PPS, PMN, PTB, PTC e PRP. Entende que os seis partidos juntos podem eleger até dois deputados estaduais.

São 28 nomes na nominata. Entre eles, Coronel Fernandes, que nas eleições de 2014 ficou na primeira suplência do PSB, com mais de 25 mil votos.

Alvibá Gomes deve tomar a decisão nesta quarta-feira (11), quando se reunirá com o presidente estadual do PMB, Raimundo Mendes, que é vereador em São Gonçalo do Amarante.

O coronel se desincompatibilizou da PM no dia 6 de julho, um dia antes do prazo final estabelecido pela legislação eleitoral. Como é militar, a filiação a um partido pode ser assinada no dia da convenção partidária.

O coronel Alvibá Gomes tem 30 anos de Polícia Militar no RN, com trabalho reconhecido nas cidades de Mossoró, Pau dos Ferros, Alexandria, São Miguel, Patu, Areia Banca, Assú, entre outras.

Em Mossoró comandou o 2o e 12o Batalhão de Polícia Militar e foi diretor da Penitenciária Agrícola Mário Negócio por cinco anos.

VEJA REPORTAGEM COMPLETA NA EDIÇÃO IMPRESSA DO JORNAL DE FATO DESTA QUARTA-FEIRA (11)

Tags:

Alvibá Gomes
Polícia Militar
RN
eleições 2018
Mossoró

voltar

AUTOR

César Santos é jornalista desde 1982. Nasceu em Janduís (RN), em 1964. Trabalhou nas rádios AM Difusora e Libertadora (repórter esportivo e de economia), jornais O Mossoroense (editor de política no final dos anos 1980) e Gazeta do Oeste (editor-chefe e diretor de redação entre os anos 1991 e 2000) e Jornal de Fato (apartir dos anos 2000), além de comentarista da Rádio FM Santa Clara - 105,1 (de 2003 a 2011). É fundador e diretor presidente da Santos Editora de Jornais Ltda., do Jornal de Fato, Revista Contexto e do portal www.defato.com.

COTAÇÃO