Domingo, 26 de maio de 2019

Postado às 10h30 | 05 Ago 2018 | Ao lado de Maia, Fátima Bezerra faz discurso contra oligarquias

Crédito da foto: Cedida Fátima de Bezerra, ao lado de Zenaide, que é Maia, fez discurso contra as oligarquias

A senadora Fátima Bezerra (PT) fez um discurso – “contra as oligarquias” na convenção que oficializou a sua candidatura ao Governo do Estado do Rio Grande do Norte, neste sábado (4), no Espaço América, em Natal.

Fátima tem como candidato a vice-governador o servidor público Antenor Roberto, presidente estadual do PC do B. A convenção também oficializou a candidatura do médico Alexandre Motta ao Senado da República.

A petista disse que está na hora de tirar as oligarquias que se revezam no poder há décadas. A senadora pediu para os companheiros se multiplicarem nas ruas, com o discurso de mudança, para que a sua caminhada seja vitoriosa.

O discurso contra as oligarquias, porém, não se sustenta no passado recente de Fátima Bezerra no Rio Grande do Norte.

A petista e o seu partido apoiaram e participaram do dois governos de Wilma de Faria, apoiou e participou do governo Robinson Faria (PSD), ocupando pastas como Educação, Cultural, além de liderar a bancada governista na Assembleia Legislativa.

Fátima Bezerra também se aliou aos Alves e Farias/Maia na campanha pela Prefeitura de Natal, em 2008, quando foi derrotada pela ex-prefeita Micarla de Souza.

E, para completar esse cenário, a candidata ao Senado na chapa do PT é uma Maia legítima, a deputada Zenaide, irmão do ex-prefeito João Maia, presidente do PR, que está apoiando Robinson Faria.

PONTO ALTO

A convenção do PT aprovou a candidatura de Sargento Regina (foto acima) à deputada estadual, assim como candidaturas proporcionais com o PC do B e PHS - Coligação Frente Popular.

Em sua fala, Sargento Regina lembrou da sua atuação como vereadora na Câmara Municipal de Natal, entre 2009 e 2012, onde entre outras ações desempenhadas, teve a coragem de defender os direitos do público LGBT, conforme sua própria orientação sexual. A candidata também destacou sua identidade religiosa.

"E digo a vocês, não apenas como uma mulher lésbica, mas como uma mulher de fé, como uma mulher de terreiro, como uma mulher candomblecista, como uma mulher juremeira, uma mulher que acredita que é possível, sim, a representatividade na Assembleia Legislativa”.

Regina disse que é preciso acabar com os "conchavos e acordos que não favorecem a classe trabalhadora e os movimentos sociais. E eu quero pedir a vocês, mais uma vez, que nos apoie”.

Tags:

Fátima Bezerra
PT
Zenaide Maia
PHS
PC do B
governo
RN
eleições

voltar

AUTOR

César Santos é jornalista desde 1982. Nasceu em Janduís (RN), em 1964. Trabalhou nas rádios AM Difusora e Libertadora (repórter esportivo e de economia), jornais O Mossoroense (editor de política no final dos anos 1980) e Gazeta do Oeste (editor-chefe e diretor de redação entre os anos 1991 e 2000) e Jornal de Fato (apartir dos anos 2000), além de comentarista da Rádio FM Santa Clara - 105,1 (de 2003 a 2011). É fundador e diretor presidente da Santos Editora de Jornais Ltda., do Jornal de Fato, Revista Contexto e do portal www.defato.com.

COTAÇÃO