Quarta-Feira, 24 de abril de 2019

Postado às 13h45 | 20 Mar 2019 | Redação Administração do Nogueirão diz que advogado já está tomando medidas para reverter interdição

Crédito da foto: Edinaldo Moreno Potiguar e América estava marcado para o dia 27, mas teve de ser adiado para o dia 28

O administrador do Estádio Leonardo Nogueira, Rocelito Miranda, informou ao Futebol e Números na manhã desta quarta-feira, 20, que o advogado já toma providências para reverter a interdição do Nogueirão para jogos noturnos imposta na última terça-feira, 19, pela 2ª Comissão Disciplinar do Tribunal de Justiça Desportiva do Rio Grande do Norte (TJD/RN).

“Nós passamos o assunto para o nosso advogado e ele está tomando as providências até pq no dia seguinte ao acontecido a situação das luminárias já tinha sido resolvido e depois disso nós já tivemos duas partidas com as luminárias acessa”, escreveu.

“A LDM com todas dificuldades tem trabalhado para acabar com uma vez que todas esses problemas de interdição essa questão das luminárias e uma questão que não só acontece no Nogueirão e sim todos os estádios corre esse risco infelizmente aqui sempre que acontece qualquer coisa com o Nogueirão se cria uma polêmica o que e lamentável”, completou.

O clube mossoroense foi denunciado nos artigos 211 e 213 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD) pelos incidentes ocorridos na partida contra o América pela segunda rodada do segundo turno. Luminárias de uma das torres do estádio não acenderam e o jogo foi adiado para o dia seguinte.

Por conta deste problema, os auditores decidiram interditar a principal praça esportiva mossoroense para partidas noturnas “até que seja apresentado laudo de vistoria, por parte do engenheiro responsável, atestando que o estádio esteja em plena capacidade e adequação no sistema de iluminação à realização de jogos no período noturno”.

Entenda o caso

No último dia 28 de fevereiro o Alvirrubro mossoroense enfrentaria o América pela 2ª rodada do segundo turno do Campeonato Estadual. No entanto, um problema em um dos postes do estádio Nogueirão adiou a partida para o dia seguinte. O relatório do árbitro Suélson Diógenes de França Medeiros trouxe o problema na iluminação do Nogueirão.

A partida não ocorreu na data programada devido um dos postes não ter suas luminárias acesas por completo. O problema maior ocorreu na torre à direita das cabines. Nela apenas três acenderam. Cada uma delas tem 12. Algumas chegaram até a acender, mas alguns minutos depois apagaram novamente. Minutos depois a torre com o problema maior acendeu somente uma a mais do anteriormente.

Suélson Diógenes esperou por 1h40m e decidiu por adiar o confronto de alvirrubros para o dia seguinte. O time da capital venceu o do interior por 3 a 1.

Tags:

Rocelito Miranda
interdição
advogado
Potiguar
América
Nogueirão

voltar