Quinta-Feira, 20 de junho de 2019

Postado às 08h30 | 11 Jun 2019 | Redação ‘Devo iniciar na academia no próximo mês’, diz meia Wilson sobre recuperação

Crédito da foto: Cedida Wilson vem fazendo fisioterapia diariamente e o trabalho de academia iniciará em julho

Entre a fisioterapia e o repouso, a recuperação do meia-atacante Wilson está fazendo três meses nesta terça-feira, 11. O atleta do Potiguar teve quebra de tíbia e fíbula da perna esquerda, após ter sido atingido pelo zagueiro André Natal, do Força e Luz, em jogo do Campeonato Estadual realizado no dia 3 de março deste ano. Ele afirmou que está bem melhor.

“Hoje, estou bem melhor, consigo fazer os movimentos; o osso está perto de colar”, disse ele ao Blog do Marcos Santos.

“No primeiro e no segundo mês foi complicado. Passava muito tempo acamado, com movimento preso, e quando ia alongar, incomodava bastante por conta das dores. Agora, estou bem mais à vontade para fazer os exercícios. A fase ruim já passou.”

Wilson vem fazendo fisioterapia de segunda a sexta-feira, com duração entre 1 hora e 1 hora e 20 minutos. A previsão de ele iniciar o trabalho de fortalecimento da musculatura é no próximo mês.

“Creio que, a partir do próximo mês, devo iniciar o trabalho de academia para o fortalecimento da musculatura. Não há uma previsão para fazer o trabalho de transição de campo, mas se tudo ocorrer, acredito que entre agosto e setembro”, informou.

O retorno ao médico responsável por sua cirurgia, Márcio Rêgo, vem ocorrendo uma vez por mês e o próximo encontro será no próximo dia 17, em Natal. Wilson contou o que Márcio falou para ele no último retorno.

“Ele disse que está satisfeito com minha recuperação, está dentro daquilo que ele esperava, e pediu para eu esquecer as dores, seguir o tratamento e ter paciência, justamente o que venho fazendo.”

Até sofrer a lesão, Wilson vivia ótimo momento na carreira, defendendo o Potiguar no Campeonato Estadual com desempenho acima da média, o que gerou expectativa de assinar contrato com um clube de maior estrutura do futebol brasileiro. No entanto, a contusão atrapalhou os planos.

O atleta admitiu que ficou abalado com esse imprevisto e que teve momento que pensou no pior. Mas agora, com a recuperação seguindo a contento, o sentimento negativo sumiu; o seu psicológico está bem melhor.

“O início foi um baque para mim, estava vivendo uma boa fase dentro do campeonato e quando soube que o problema era para cirurgia, fiquei desnorteado. Com cirurgia, você não sabe se volta a jogar ou não como era antes, e pensava: ‘Poxa, tinha tudo e agora posso não ter mais nada.’ Mas com o passar do tempo, com a evolução da recuperação, tirei isso da cabeça. Meu sentimento agora é outro: é de acreditar que tudo vai dar certo, e se Deus quiser, vou dar a volta por cima”, crê.

Para se manter, Wilson informou que vem recebendo salário do Potiguar e também uma ajuda do seu empresário, o ex-jogador Souza.

Tags:

meia
Wilson
Potiguar
contusão
recuperação

voltar