Terça-Feira, 17 de outubro de 2017

Postado às 10h15 | 10 Ago 2017 | Redação Rio Grande do Norte cria quase mil postos de trabalho em julho, diz Caged

Crédito da foto: Reprodução Dados do Caged mostram a criação de emprego no mês de julho no país

Pelo segundo mês consecutivo o Rio Grande do Norte apresentou variação positiva no número de empregos. De acordo com dados preliminares do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados, o estado criou 963 vagas formais no último mês.

O número de admissões no período foi de 11.731, enquanto que o de demissões foi de 10.768. Em junho, o resultado já havia sido positivo. No sexto mês do ano foram criadas 453 vagas.

Os dois últimos meses de saldo positivo no número de vagas criadas contrastam com os cinco primeiros meses do ano que tiveram variação negativa. Em janeiro a diferença de admissões e desligamentos teve uma diferença negativa de 2.955.

Já em fevereiro o número reduziu para 1.282. Em março a diferença negativa foi de apenas 569 vagas. Em abril, o número de demissões superou o de admissões em 921. Já em maio, último mês com variação negativa, a redução foi de 202 vagas formais.

Com os números de julho, o saldo negativo no estado é 4.513 postos de trabalhos nos sete primeiros meses de 2017.

Em todo o Brasil, Foram criadas 35,9 mil vagas formais no último mês, resultado de 1.167.770 admissões e 1.131.870 desligamentos. Dos 25 subsetores econômicos, 17 empregaram mais do que demitiram, o que aponta uma consolidação da recuperação econômica.

Das 27 unidades da federação, o resultado foi positivo em 20, com destaque para São Paulo, Mato Grosso e Goiás. Em termos regionais, o emprego cresceu em quatro das cinco regiões, sendo negativo apenas no Sul.

Tags:

voltar