Domingo, 21 de outubro de 2018

Postado às 09h00 | 10 Mai 2018 | Redação Conhecer legislação é decisivo para inserção em compras governamentais

Crédito da foto: Cedida O cumprimento da legislação fortalece a economia local e os negócios envolvidos

As compras governamentais parecem ser “a menina dos olhos” de uma parcela significativa dos micro e pequenos empreendedores. Com produtores que integram a cadeia produtiva da ovinocaprinocultura não é diferente. Mas, diferente de outras categorias já engajadas nos processos de vendas a entes públicos, a falta de informação ainda é permanece como entrave ao fornecimento de produtos aos governos.

Estar atento à legislação, a exemplo da Lei Geral da Micro e Pequena Empresa, ferramenta que cria ambiente diferenciado às compras públicas junto a pequenos empreendedores, surge como uma das principais armas dos produtores.

Neste contexto, a atuação de entidades como o Sebrae no Rio Grande do Norte surge como mecanismo transformador, a partir da orientação técnica e estímulo a empreendedores. Exemplo disso ocorreu no I Workshop da Rota do Cordeiro Potiguar, que reuniu, em Mossoró, nesta terça-feira e quarta-feira, dezenas de produtores da cadeia da ovinocaprinocultura. Além de temas ligados ao setor, também deu destaque às compras governamentais.

“A postura do produtor em conhecer a legislação pode ser determinante para a inserção dele nos processos de compras governamentais. Se ele não conhece a legislação, os benefícios e as exigências, não conseguirá competir, ficando de fora desta que representa uma importante fonte de renda aos micro e pequenos negócios”, alerta o consultor do Sebrae-RN, Gildson Souza, que ministrou palestra Compras Governamentais.

 

Reflexos

A informação, aliado ao aumento no número de micro e pequenos empreendedores participando dos processos de compras governamentais possui efeito imediato, sobretudo nas economias dos pequenos municípios. O cumprimento da legislação fortalece a economia local e os negócios envolvidos.

“Isso é fato. Informados, os empreendedores vão buscar a aplicação da legislação, e, com isso, aumentar a participação nas compras governamentais. Os municípios vão ter economias mais fortes, com dinheiro circulando, e os negócios mais consolidados”, explica.

Tags:

legislação
inserção
compras governamentais
Mossoró
Sebrae
Rio Grande do Norte

voltar