Domingo, 16 de dezembro de 2018

Postado às 07h45 | 13 Mar 2018 | Redação Duplos homicídios são registrados no Barrocas e na Maísa na noite desta segunda

Os crimes aconteceram na Maísa e no Barrocas. As vítimas do primeiro duplo homicídio foram identificadas como Carlos Mikael Pereira de Oliveira, 17 anos, e seu pai, Raimundo Carlos de Oliveira, 40 anos. Já as do segundo ainda não foram identificadas

Crédito da foto: O Câmera Pai e filho foram mortos na noite desta segunda-feira (12) na comunidade Maísa

O município de Mossoró registrou na noite desta segunda-feira, 12, duplos homicídios na zona urbana e rural. Os crimes aconteceram no bairro Barrocas e na comunidade da Maísa. Com estas quatro mortes, a cidade soma no ano 61 homicídios.

Por volta das 19h30, Carlos Mikael Pereira de Oliveira, 17 anos, e seu pai, Raimundo Carlos de Oliveira, 40 anos, morreram vítima de disparos de arma de fogo.

Segundo informações, Mikael percebeu a chegada dos criminosos e tentou fugir. Ele não conseguiu pular o muro dos fundos da residência. O adolescente ainda foi socorrido para o Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM), mas morreu a caminho da unidade.

A polícia acredita que os criminosos foram a casa para um acerto de contas com o adolescente e o pai do jovem tentou evitar a morte do filho. Raimundo morreu dentro de casa. Ele se jogou na frente dos atiradores e foi atingido.

Pouco tempo depois, desta vez na Favela do Cachorro Assado, no bairro Barrocas, outro duplo homicídio foi registrado. Dois homens foram assassinados em via pública. Eles ainda não foram identificados.

A primeira vítima foi encontrada na Rua Emilio Castelar com perfurações de tiros. No local a Polícia encontrou duas motos com queixa de roubo. Cerca de 400 metros depois, na Travessa Riacho Doce, o outro homem foi encontrado. A polícia acredita que após ser baleado, o homem correu, mas não resistiu e morreu no local.

Segundo informações, a dupla havia roubado uma moto durante o dia e quando retornaram para pegar o veículo foram mortos.

Estes foram os homicídios de número 60 e 61 no ano em Mossoró.

Os corpos foram recolhidos para a sede do ITEP para serem necropsiados e serão liberados para sepultamento mediante comparecimento de familiares com a devida documentação.

Tags:

segurança
Favela Cachorro Assado
Maísa
pai e filho
mortos
assassinados

voltar